Notícias /

ASSINADO ACORDO COLETIVO NO CRTR

O Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) do CRTR para o período 2019/2021 já está assinado. Agora, é hora de você refletir sobre a atuação do Sindicato que durante as negociações lutou por mais conquistas e direitos para as/os trabalhadoras/es. Para obter bons acordos em favor da trabalhadora e do trabalhador, o Sindicato precisa de recursos, especialmente depois da reforma trabalhista que acabou com o imposto sindical, uma das principais fontes de receita do Sindicato. Por isso, a trabalhadora e o trabalhador conscientes devem colaborar não fazendo oposição à contribuição negocial, que serve para manter e fortalecer o Sindicato custeando despesas com serviços de interesse da categoria: campanhas salariais, assistência jurídica, ações judiciais, visitas às bases, comunicação, salários dos funcionários da entidade e manutenção do patrimônio que é do trabalhador. Como se pode constatar, todas as receitas e despesas do sindicato se aplicam a toda categoria, independentemente da filiação à entidade. 
 
   Desta forma, há de se ter a consciência de que todos nós temos o dever de contribuir com aqueles que lutam por nossos interesses. Isso serve de apelo às companheiras e aos companheiros que se negam a contribuir com a categoria, mas que na hora de colher os frutos das negociações usufruem das conquistas do Sindicato. E como os benefícios são para todos é justo que quem não paga o ano inteiro contribua pelo menos uma vez no ano para a manutenção do Sindicato, pois se não for pelas mãos do Sindicato os trabalhadores não terão força para negociar com os conselhos especialmente agora com a Reforma Trabalhista, que deixa de assegurar direitos históricos à classe trabalhadora.
 
   A contribuição sindical realmente não é a melhor forma de sustentação, mas ela existe porque a maioria das/os trabalhadoras/es não se sindicaliza, entretanto, desfruta de todos os benefícios conquistados pelo Sindicato. Portanto, essa contribuição ajuda a construir a luta e faz toda a diferença na manutenção da entidade. Sem Sindicato os patrões não terão mais nenhuma barreira para acabar de vez com todos os direitos conquistados. Mas se você ainda não se sente convencida/o da importância de ser representada/o pelo Sinsexpro, considere que, sem o sindicato, você não terá quem o represente e quem o defenda em sua relação com o empregador. Portanto, se ainda não se filiou, o momento é oportuno. Caso contrário, não faça oposição à contribuição negocial, pois assim estará contribuindo para a proteção dos interesses de todos nós, trabalhadoras/es das autarquias de fiscalização do exercício profissional.


CLIQUE AQUI PARA FILIAR-SE AO SINSEXPRO
 
   Se for mantida a decisão de não se filiar, você pode contribuir NÃO FAZENDO OPOSIÇÃO, mas caso não queira contribuir, você poderá manifestar sua oposição ao desconto da Contribuição Negocial, de 14/08/2019 A 20/08/2019, da seguinte forma:
a) As/os trabalhadoras/es lotadas/os na Capital deverão comparecer à sede do Sinsexpro para preencher formulário de oposição de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h.
   
b) As/os trabalhadoras/es lotadas/os na Grande São Paulo, Interior e Litoral poderão retirar o formulário de oposição clicando aqui ou solicitar seu envio pelo e-mail geral1@sinsexpro.org.br. O telefone para contato com o Sindicato é (11) 3228-1867. Depois de preenchido o formulário, a/o trabalhadora/or deverá reconhecer firma da assinatura e encaminhar pelo correio à sede do Sinsexpro, como carta registrada. Só serão aceitas as oposições que forem postadas até o último dia do prazo.
         
c) O desconto será de 4% do salário base dividido em 4 parcelas de 1%.
 

« voltar