Notícias /

NÃO À COPARTICIPAÇÃO NA OAB

 A OAB está mais uma vez surpreendendo seus funcionários, e o Sindicato que os representa, de forma negativa. Agora iniciou a cobrança da coparticipação do plano de saúde que, como todos sabemos, não tem embasamento legal para ser feita e até então, em toda sua história, foi benefício concedido sem cobrança ao funcionário.     Diante dessa atitude unilateral da Ordem, o Sinsexpro orienta os/as trabalhadores/as que se sentirem prejudicados a ingressar com ação trabalhista para reverter seus efeitos. Os que são sindicalizados poderão ingressar com a ação através do Sinsexpro, sem qualquer pagamento ao advogado além da mensalidade. As ações poderão ser feitas por grupos de trabalhadores mas os processos serão individuais, porque será preciso demonstrar o prejuízo sofrido em cada caso e os valores descontados variam de um para o outro.    Por outro lado, o Sinsexpro continuará defendendo no processo de Dissídio, que é Coletivo, que os benefícios sejam mantidos para todos como sempre foram. Como a data do julgamento do Dissídio é impossível de prever, o Sindicato fica desde já à disposição daqueles que, sendo sindicalizados, quiserem mover a ação trabalhista nessa questão. 

« voltar