Notícias /

VOCÊ CONHECE O CEREST?

Você sabia que o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) promove ações para melhorar as condições de trabalho e a qualidade de vida do trabalhador por meio da prevenção e vigilância? No Brasil, a Saúde do Trabalhador passou a fazer parte das ações desenvolvidas pelo Sistema Único de Saúde - SUS a partir da Constituição Federal de 1988, definindo que compete ao SUS executar ações de Saúde do Trabalhador. Por isso, criado a partir da Portaria Ministerial 1.679/2002, os Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (CERESTs), juntamente com as áreas técnicas de Saúde do Trabalhador, nos âmbitos estaduais e municipais de saúde, têm o papel de prover retaguarda técnica especializada para o conjunto de ações e serviços da rede SUS.

QUAIS OS OBJETIVOS DO CEREST? - Sua finalidade é a de ampliar a Rede Nacional de Atenção à Saúde dos Trabalhadores (RENAST), integrando os serviços do Sistema Único de Saúde-SUS, voltados à Assistência e a Vigilância, de forma a unificar os esforços dos principais executores com interface na Saúde do Trabalhador, prevenindo, controlando e enfrentando, de forma estratégica, integrada e eficiente, os problemas de saúde coletiva como as mortes, acidentes e doenças relacionados com o trabalho.  
O QUE É RENAST? - A RENAST (Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador) é uma rede desenvolvida de forma articulada entre o Ministério da Saúde, as Secretarias de Saúde dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, que tem como estratégia a garantia da atenção integral à saúde dos trabalhadores. 
Confira abaixo as situações que põem em risco a
saúde do trabalhador  e o que fazer em cada caso.
Suspeita de
doença do trabalho
Encaminhar para o Cerest da região da empresa preferencialmente. 
Trabalhador
doente demitido
Encaminhar para a Delegacia Regional do Trabalho. Se a demissão foi por Doença do Trabalho, além de encaminhar para a DRT, deve também encaminhar para o Cerest da região da empresa preferencialmente.

Denúncia de assédio moral ou humilhação no trabalho
 
Encaminhar para o Cerest da Freguesia do Ó, Centro de Referência em Saúde do Trabalhador
Denúncia de contratos precários de trabalho (falta de registro na carteira de trabalho, contrato temporário, terceirizados, cooperativas) Encaminhar para a DRT ou ao Ministério Público Federal do Trabalho
Denúncia de trabalho
infantil ou trabalho escravo
Encaminhar para a DRT e/ou Ministério Público Federal do Trabalho

Relações trabalhistas
 
Encaminhar para a DRT
Direitos previdenciários(aposentadoria, auxílio doença, auxílio maternidade, auxílio acidente) Encaminhar para o INSS da área de abrangência de moradia.
Reclamação sobre condições de trabalho do servidor público municipal Encaminhar para o DSS – DIVISÃO DE SAÚDE DO SERVIDOR do Ministério Público do Trabalho
Reclamação sobre condições de trabalho do servidor público estadual ou federal: Encaminhar para Ministério Público do Trabalho.
Denúncia de ratos ou baratas no ambiente de trabalho Encaminhar para o Serviço de Zoonoses da área de abrangência do caso, exceto nos setores regulados, nos estabelecimentos de produtos de interesse à saúde, nos equipamentos e serviços de saúde que serão inspecionados pelas respectivas subgerências da COVISA.
Denúncia de banheiros, refeitórios, vestiários, etc, sujos na empresa Encaminhar para a SUVIS  da área de abrangência do caso, exceto em estabelecimentos de produtos, equipamentos e serviços de saúde que serão inspecionados pelas respectivas áreas.
Denúncia de contaminação
de solo, água e ar provocada
por qualquer tipo de estabelecimento
Encaminhar para a Gerência em Saúde Ambiental, exceto em estabelecimentos de produtos, equipamentos e serviços de saúde que serão inspecionados pelas respectivas subgerências.
Denúncias referentes a empresas situadas em outro município Encaminhar para a  DRT, programas de Saúde do Trabalhador ou RENAST  

« voltar