Notícias /

COREN SP VAI A DISSÍDIO

Após a indefinição das negociações da reposição das perdas salariais dos anos de 2020 e 2021, o Sinsexpro entrou com ação de Dissídio Coletivo contra o COREN SP. A gestão insiste em praticar arrocho salarial mesmo tendo sucessivos superavits anuais em suas contas. O Sindicato tomou conhecimento de que o motivo é a falta de reajuste da enfermagem e não a falta de recursos. É uma decisão ideológica e política contra as/os trabalhadoras/es do COREN SP que não são responsáveis pela precarização da enfermagem. A gestão insistiu em pautar as conversas nas cláusulas que retiram direitos legais conquistados pela categoria que não concorda com isso conforme assembleia realizada em 11/03/2022.

« voltar